Pular para o conteúdo principal

TRADUTOR

FESTAS POPULARES de SÃO PAULO

Festa do Morro do Querosene
Festa do Morro do Querosene
Três vezes por ano, no bairro do Butantã, na zona oeste da cidade, acontece a festa do Morro do Querosene. 

Versão paulistana das toadas do Bumba-meu-boi, ela existe há dez anos, no Sábado de Aleluia (véspera da Páscoa), acontece o Renascer do Boi, no dia 24 de junho se comemora o Batizado do Boi e em 23 de outubro a Morte do Boi, participam da festa, além dos paulistanos, imigrantes do Maranhão e de Minas Gerais.
Festa da Santa Achiropita
Festa da Santa Achiropita 
No mês de agosto, a colônia italiana em São Paulo comemora o dia de Nossa Senhora Achiropita com uma grande festa popular. 

A comemoração, organizada pela comunidade e pela Paróquia de Nossa Senhora Achiropita, acontece nas ruas 13 de maio e São Vicente, no bairro do Bixiga. 

O ponto alto da festa é a comida e a música típicas, a festa de Achiropita é a mais conhecida e tradicional da cidade e atrai todos os anos milhares de visitantes.
Festas de São Vito, São Genaro e São Emídio

Festas de São Vito, São Genaro e santo Emídio. 

As festas de São Vito, São Genaro e Santo Emídio completam o circuito italiano das festas. 

No dia 15 de junho, nas ruas do Brás, é comemorado com muita comida e música o dia de São Vito. 

No dia 19 de setembro, a festa nas ruas da Moóca é em homenagem a São Genaro.

A Festa de Santo Emídio, que acontece no bairro da Vila Prudente, dira três semanas durante o mês de agosto.
Festa do Verde
Festa do Verde
Em janeiro, o Parque do Ibirapuera, o maior da cidade, sedia a Festa do Verde, sob a marquise do parque, centenas de expositores e comerciantes de plantas e jardinagem montam uma exposição de encher os olhos.

Uma das principais atrações da festa é o Pronto-Socorro de Plantas, onde um biólogo fica de plantão para esclarecer dúvidas e dar dicas de como manter as plantas sempre em perfeito estado.
Bienal

Bienal
Todos os anos, São Paulo também é sede de eventos culturais de porte internacional.

A Bienal do Livro, assim como a Bienal de Artes, reúne o que de melhor se produz em cultura no país. 
Maratona de São Silvestre
Corrida de São Silvestre
No último dia de cada ano, a cidade recebe centenas de atletas de todo o mundo, que participam da corrida de São Silvestre. 

Poucas horas antes do novo ano, os atletas percorrem ruas da região central de São Paulo, na mais importante corrida do país.

FONTE: http://turismo.terra.com.br/interna/0,,OI835279-EI176,00.html

Comentários

  1. Favor corrigir o texto, a Corrida de São Silvestre possui 15 quilômetros e para ser uma Maratona, necessário que a corrida tenha 42 quilômetros. Com isso, o texto correto é "Corrida de São Silvestre".
    Obrigado.
    Cleber

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Cleber.
      Primeiramente devo agradecer pela visita ao meu blog e aproveitando para agradecer ao seu comentário me corrigindo educadamente num post que eu publiquei, espero que possa vir outras vezes mais fazer visitas proveitosas e inteligentes, mais uma vez agradeço pelo seu "comentário-correção"

      Abraços,
      Brasil
      Bão

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

FESTAS POPULARES do MARANHÃO

Festas populares estado Maranhão, são típicas, gente feliz, alegre mostrando os costumes desse belo estado brasileiro, imperdível para nós brasileiros que ainda não conhecemos e para os estrangeiros que podem comprovar a nossa rica cultura com suas festas nesse belo estado do Maranhão.  Bumba-Meu-Boi

Os brancos trouxeram o enredo da festa; os negros, escravos, acrescentaram o ritmo e os tambores; os índios, antigos habitantes, emprestaram suas danças e a cada fogueira acesa para São João, os festejos juninos maranhenses foram-se transformando no tempo quente da emoção, da promessa e da diversão, é nesta época de junho, que reina majestoso o Bumba-meu-boi.

O auto popular do Bumba-meu-boi conta a estória da Catirina, uma escrava que leva seu homem, o nego Chico, a matar o boi mais bonito da fazenda para satisfazer-lhe o desejo de grávida: comer língua de boi, descoberto o malfeito, manda o Amo (que encarna o fazendeiro, o latifundiário, o "coronel" autoridade) que os índios captu…

FESTAS POPULARES do TOCANTINS

Festas Populares e Religiosas do estado de Tocantins é algo sensacional que mostra uma cultura em ricos trajes para todos que queiram conhecer.
As festas exprimem cultura e tradição dos povos, tanto pelas cerimônias festivas quanto pelos rituais religiosos, essas celebrações reafirmam laços sociais, e raízes que aproximam os homens, movimentam e resgatam lembranças e emoções, tem características semelhantes mesmo com enfoques diferenciados, como as manifestações do canto, da dança, da música e, principalmente, o espírito de troca e fortificação, tão bem expressos no dito popular "lavar a alma".
As festas populares e religiosas traduzem a cultura popular, a linguagem do povo, tudo que vem dele e de sua alma.
Boi-Bumbá

Uma das principais manifestações brasileiras, que provavelmente surgiu no final do século XVIII, por influência da tradição portuguesa e dos faraós do Egito (adoradores do Boi Ápis, deus da Fertilidade), e que logo se espalhou por todas as regiões do nosso país, com…

FESTAS POPULARES - MG

Festas populares não podem faltasFestas populares em nossos estados são sempre recheadas de coisas bonitas e alegrias, cultura, assim também são as festaspopulares do estado de Minas Gerais, vocês conhecem? Então venham conhecer como algumas dessas festas são super movimentadas e bem legais, a alegria do povo do estado de Minas Gerias e de outros que comparecem vindo de todos os lugares do Brasil e dos estrangeiros.
Vesperatas, em Diamantina, Festa do Milho, em Patos de Minas, Festival do Ora-Pro-Nobis, em Belo Horizonte, e Festa do Divino em três cidades históricas: Diamantina, Serro e Sabará. Essas são algumas das principais festas em Minas Gerais, neste mês de maio de 2006, e que fazem parte do Calendário Turístico da Secretaria de Estado de Turismo.
Festas Vesperatas
Na terra de Juscelino Kubitschek e de Chica da Silva, no Circuito dos Diamantes, a 292 km de Belo Horizonte, as Vesperatas estão marcadas para os dias 6 e 20 de maio, na rua da Quitanda.

A programação vai até outubro, qua…