domingo, 2 de dezembro de 2012

Festas Populares do Paraná

Grupos folclóricos do Paraná
Grupos folclóricos do Paraná
Para preservar a cultura de seus países de origem, imigrantes e seus descendentes formam grupos folclóricos, representando a cultura através de danças, músicas e trajes típicos. No Paraná, a maioria desses grupos são formados por pessoas de origem polonesa, ucraniana, alemã e italiana.
Festas populares do Paraná
Festas populares do Paraná
As festas populares do Paraná têm como característica principal uma forte relação com os diversos povos colonizadores do Estado. Além disso, é comum entre os mais velhos tentarem passar suas tradições às novas gerações, mas o desinteresse desses últimos acaba prejudicando a manutenção de costumes tão ricos para a cultura paranaense.
Lendas e contos populares do Paraná
Lendas e contos populares do Paraná
Assim como em todo o Brasil, no Paraná as lendas e contos populares também são caracterizados pela transmissão oral, de geração para geração, sendo que com o passar do tempo, muitas delas vão ganhando adaptações ou novos detalhes. Originárias dos primeiros povos que habitaram o Estado, indígenas, escravos e tropeiros, as lendas são alternativas da população para explicar o que não possuem informações suficientes para entender.
Folclore do Paraná
Folclore do Paraná
Caracterizado pela transmissão oral de geração para geração e pelo anonimato sobre a origem de elementos como lendas e crendices populares, o folclore é uma manifestação resultante de períodos históricos e dos povos que ajudaram na formação de uma localidade. No Paraná, o folclore mistura histórias e costumes de antigas tribos indígenas, grupos de escravos, de imigrantes e também das pessoas que chegaram ao Estado na época do tropeirismo, como gaúchos, mineiros e paulistas.

2 comentários:

  1. Preservar os hábitos e costumes através do folclore é uma maneira muito interessante.
    Abraço!
    Sonia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amiga Sonia.
      Essa é a proposta, mostrar um Brasil que muitos não conhecem, com a nossa cultura e não ficarmos presos a enlatados ou a notícias que mostram somente o lado ruim, que se tem em todos os lugares, mas que aqui parece que querem dar mais destaque.

      Abraços,
      BrBão

      Excluir

. . .